Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

O que é logística reversa? Veja o conceito e como funciona

Você sabe o que é logística reversa? Essa abordagem tem aparecido com frequência na gestão de diversas empresas hoje em dia. Por isso, vale a pena entender seu conceito e como funciona. 

Continue a leitura para saber mais! 

Afinal, o que é logística reversa? 

A logística reversa faz parte do desenvolvimento econômico e social da Política Nacional de Resíduos Sólidos, regulamentada pela Lei 12.305/2010. Dessa forma, podemos defini-la, de maneira simples, como a coleta e reciclagem de produtos após o consumo do cliente final.

Ao contrário da logística tradicional, que se concentra na movimentação de produtos do fabricante para o consumidor, aqui, os itens são enviados do consumidor para a cadeia de suprimentos. 

Estamos falando de um processo importante não só em termos ambientais, mas também do ponto de vista econômico, já que reduz os custos de produção por meio da reutilização de materiais.

Como funciona na prática?

Esse processo que acabamos de falar passa por algumas etapas essenciais. Veja: 

1. Identificação do fluxo do material 

O primeiro passo é identificar quais itens, materiais ou embalagens devem ser retornados. Isso pode ser determinado com base em regulamentações ambientais, políticas da empresa, demanda do mercado por reciclagem ou reutilização, etc. 

2. Coleta dos produtos 

Na sequência, os produtos são recolhidos através de algum tipo de programa de devolução ou ponto de coleta específico. 

3. Classificação e triagem 

Na terceira etapa, eles passam por uma classificação e triagem de acordo com sua condição e destino final. Ou seja, são separados por materiais recicláveis, reutilizáveis ou descartáveis.

4. Transporte e armazenamento

Os objetos triados são levados às instalações de processamento, onde ficam armazenados temporariamente.

5. Processamento e recuperação

Os materiais podem ser processados de diferentes formas, a depender do seu destino final (remanufatura, limpeza e preparação para reciclagem, entre outros).

6. Distribuição ou descarte

Por fim, os itens recuperados voltam ao ponto de origem, sendo encaminhados para empresas de reciclagem ou instalações de descarte apropriadas.

Quais os tipos de logística reversa?

Entre os principais tipos de logística reversa, vale destacar: 

Logística reversa pós-consumo

A logística pós-consumo envolve a devolução de materiais para reciclagem (papel, plástico, vidro, metais), reutilização e descarte de resíduos perigosos, como pilhas, baterias, produtos químicos e afins. 

Logística reversa pós-venda

Essa está relacionada à devolução de itens que não atenderam as expectativas do consumidor, seja por defeito, arrependimento de compra, ou outros motivos. Então, a empresa os recolhe e os reaproveita em uma nova venda, por exemplo.

Quais empresas devem implementar a logística reversa? 

Com base no artigo 33 da Lei, é obrigatório que todos os fabricantes, distribuidores e comerciantes dos seguintes produtos implementem a logística reversa:

  • Agrotóxicos em geral, os resíduos e embalagens
  • Pilhas e baterias
  • Pneus
  • Óleos lubrificantes, resíduos e embalagens
  • Lâmpadas fluorescentes, de vapor de sódio e mercúrio e de luz mista
  • Produtos eletrônicos
  • Produtos que levam embalagens plásticas, metálicas ou de vidro.

Você acabou de ver o conceito de logística reversa e como o processo funciona na prática. Esperamos que esse artigo tenha sido útil para você. Se quiser ler outros materiais como esse, acompanhe nosso blog!

Ficou com dúvidas? Deixe seu comentário aqui embaixo!

Posts relacionados

O que são os 5 C’s do crédito e como usá-los em sua análise

Você, empreendedor, que se preocupa com a saúde financeira de seu negócio e está constantemente buscando formas de melhorá-la, muito provavelmente já ouviu falar sobre a técnica dos 5 C’s. Mas você sabe exatamente o que são os 5 C’s do crédito?

Análise de Crédito

4 min

Saiba quais são os 4 tipos de devedores e como cobrá-los

Diversas empresas enfrentam, todos os dias, situações desagradáveis por conta de clientes que compram e não cumprem com a responsabilidade de pagar. A inadimplência é um fato, nós sabemos. Mas você já ouviu falar nos diferentes tipos de devedores? Confira agora!

Destaques

3 min