Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Riscos de negócio para PMEs: confira os 3 principais!

Os riscos de negócio para PMEs não são poucos. Na verdade, empreender envolve uma série de atribuições e dificuldades, independentemente do tamanho da empresa. Acontece que para essa categoria, principalmente, os desafios podem ser maiores.  

Isso porque os grandes empreendimentos normalmente contam com equipe e setor específicos para o gerenciamento de risco, o que na maioria das vezes não ocorre com as PMEs. 

Sabendo disso, no post de hoje, vamos apresentar os principais riscos de negócio para as pequenas e médias empresas. Acompanhe!

Os 3 maiores riscos de negócio para PMEs: como lidar com eles 

Riscos são inerentes a qualquer negócio. Porém, com planejamento e estratégias bem definidas, é possível lidar com eles. Saiba mais a seguir!

Risco de crédito 

A inadimplência é algo que pode atingir qualquer tipo de empreendimento e causar um grande desequilíbrio financeiro. 

Dessa forma, mais do que ter capital de giro para pagar despesas e arcar com alguma situação inesperada, é imprescindível fazer análise de crédito antes de vender para alguém. 

O processo é essencial para garantir vendas mais seguras e consiste em uma avaliação do cadastro do cliente, a fim de verificar se ele possui dívidas abertas, sua capacidade financeira e perfil. Isso te ajudará a oferecer uma opção de pagamento que seja coerente com a realidade dele. 

Risco financeiro 

Esse é mais um desafio que pode acometer pequenas, médias e grandes empresas. 

Para lidar com o problema, é importante encontrar equilíbrio financeiro. Para tanto, é fundamental que você mantenha suas contas pessoais e empresariais separadas

Trata-se de uma ação simples, mas que faz toda diferença na hora de organizar as finanças e entender as despesas, gastos e lucros do negócio. Além disso, faça um acompanhamento regular do seu fluxo de caixa e esteja atento às entradas e saídas. 

(Leia mais sobre o assunto em: Como separar o dinheiro da empresa das finanças pessoais). 

Risco de mercado 

Estar a par do que acontece no mercado é crucial para não ser pego de surpresa. Portanto, fique de olho nas tendências e movimentações desse meio, como preços de insumos e mercadorias, alterações de taxa de juros ou de câmbio, e analise o cenário para buscar uma solução

A oscilação do dólar, por exemplo, pode se tornar um desafio para PMEs que adquirem produtos de fora. Então, é preciso atenção!

Você acabou de conferir 3 riscos de negócio para pequenas e médias empresas. Esperamos que este conteúdo possa ajudar no dia a dia do seu negócio. E se quiser ler outros materiais como esse, não deixe de acompanhar nosso blog e nossas redes sociais. Até a próxima! 

Ficou com alguma dúvida? Escreva seu comentário aqui embaixo!

Posts relacionados

Consulta de crédito ou análise: qual você faz?

A inadimplência é o principal risco à sustentabilidade de uma empresa. No caso das empresas que vendem a outras empresas (Business-to-Business – B2B), o risco se eleva ainda mais pelo alto nível de alavancagem desse perfil de cliente.   Segundo dados da Serasa Experian, 5,4 milhões de empresas e 61 milhões de consumidores têm dívidas […]

Análise de Crédito

4 min